Reiki – como curar com as mãos

Há muitos anos atrás ouvi falar de uma terapia que dizia curar através das mãos…o Reiki. Ouvi falar e decidi então procurar mais informações.

Pois bem, o Reiki, que é nada mais nada menos que um método japonês de cura através da energia transmitida pelo praticante com a imposição das mãos, é algo que qualquer pessoa pode aprender. É algo tão simples e tão benéfico que deveria ser ensinado a todas as crianças de todo o mundo, de forma a criar adultos melhores.

O Reiki surgiu no Japão através de Mikao Usui, um homem que se baseou em inúmeras influências importantes para criar esta terapia milenar. Um homem comum, estudioso e que decidiu partilhar este método por si criado, com a intenção de ajudar todas as pessoas possíveis. Não tem ligação a nenhuma religião, pelo que qualquer pessoa o pode praticar, sem qualquer limitação.

Há alguns anos tive a sorte de fazer a minha iniciação (uma espécie de ritual que nos capacita a saber fazer esta cura…o que nos torna Reikianos). Este “ritual” é algo bastante semelhante a uma simples meditação, e a partir daqui, estamos aptos a fazer Reiki a nós mesmos e a quem quisermos.  Esta cura é feita através das nossas mãos em determinadas zonas do corpo, chamadas de chakras, dos quais temos 7 principais, mas podemos aplicar Reiki em qualquer zona do corpo, ou até mesmo de objetos. 

O Reiki é dividido em 3 níveis, sendo que o primeiro nos inicia neste Universo e nos mostra o quão poderosa é esta Energia Universal. Com o segundo nível conseguimos enviar Reiki á distância para qualquer pessoa e/ou situação e com o nível 3 passamos nós também a ensinar…tornamo-nos Mestres/Professores de Reiki. 

Há quem tenha tido experiências muito significativas com o Reiki, e nada como experimentar para sentir a Energia do Universo.  Eu fiz já as 3 iniciações, tendo sido cada uma delas uma experiência única e por isso mesmo convido todas as pessoas a experimentar pois não se arrependerão. 

O Reiki é considerado uma filosofia de vida pois acenta em 5 princípios espirituais que são os seguintes:

Só por hoje:

Não me zango;

Não me preocupo;

Sou grata;

Trabalho com dedicação;

Sou gentil para mim e para os outros.

Seguindo este 5 princípios tornamo-nos seres humanos muito melhores, muito mais calmos e serenos, tendo ainda a grande vantagem de poder curar. E desengane-se quem acha que é fácil segui-los pois não é de todo…é uma questão de praticar todos os dias, um dia de cada vez.

 

Eu, Paula!